Frases, pensamentos e ideias
Random header image... Refresh for more!

Diferença entre o amor e amizade

Amor e amizade

Amor e amizade

Diálogo de um sábio

 

Perguntei a um sábio, a diferença que havia

entre amor e amizade, ele me disse essa verdade

O Amor é mais sensível, a amizade mais segura.

O Amor nos dá asas, a amizade o chão.

No amor há mais carinho, na amizade compreensão.

O Amor é plantado e com carinho cultivado,

a amizade vem faceira, e com troca de alegria e tristeza,

torna-se uma grande e querida companheira.

Mas quando o amor é sincero, ele vem com um grande amigo,

e quando a amizade é concreta, ela é cheia de amor e carinho.

Quando se tem um amigo ou uma grande paixão,

ambos sentimentos coexistem dentro do seu coração.

(William Shakespeare)

janeiro 9, 2014   No Comments

Amor sincero

Soneto do amor total

Soneto do amor total

Soneto de amor

 

De almas sinceras a união sincera

Nada há que impeça: amor não é amor

Se quando encontra obstáculos se altera,

Ou se vacila ao mínimo temor.

Amor é um marco eterno, dominante,

Que encara a tempestade com bravura; [Read more →]

agosto 19, 2013   No Comments

Soneto de amor

Soneto de amor Shakespeare

Soneto de amor Shakespeare

Amor

 

Não chame o meu amor de Idolatria

Nem de Ídolo realce a quem eu amo,

Pois todo o meu cantar a um só se alia,

E de uma só maneira eu o proclamo.

É hoje e sempre o meu amor galante,

Inalterável, em grande excelência;

Por isso a minha rima é tão constante

A uma só coisa e exclui a diferença.

‘Beleza, Bem, Verdade’, eis o que exprimo;

Beleza, Bem, Verdade’, todo o acento;

E em tal mudança está tudo o que primo,

Em um, três temas, de amplo movimento.

‘Beleza, Bem, Verdade‘ sós, outrora;

Num mesmo ser, vivem juntos agora.

 

William Shakespeare

agosto 18, 2013   No Comments

Te trago os versos mais lindo

Poema Mario Quintana - Trago-te os versos mais lindo

Poema Mario Quintana -Trago-te os versos mais lindo

Trago-te os versos mais lindo

 

Eu queria trazer-te uns versos muito lindos

colhidos no mais íntimo de mim…

Suas palavras

seriam as mais simples do mundo,

porém, não sei que luz as iluminaria,

que terias de fechar teus olhos para as ouvir…

Sim! Uma luz que viria de dentro delas,

como essa que acende inesperadas cores

nas lanternas chinesas de papel!

Trago-te palavras, apenas…

E que estão escritas do lado de fora do papel…

Não sei, eu nunca soube o que dizer-te

e este poema vai morrendo, ardente e puro, ao vento da Poesia

Como uma pobre lanterna que incendiou!

 

Autor: Mário Quintana

agosto 15, 2013   No Comments

Mãe

Dia das mães

Dia das mães

Mãe,

Quero que você saiba, que a cada segundo que passa, eu tenho mais certeza que você é a melhor mãe do mundo. E neste dia, eu quero demonstrar todo o amor que eu sinto por você, quero demonstrar o quanto você faz por mim e dizer o quanto você é essencial na minha vida.

Obrigada por todos os momentos de minha vida, obrigada pelos conselhos mais sinceros, obrigada pelas broncas, obrigada pelos mimos, obrigada por ser a melhor mãe do mundo. [Read more →]

junho 25, 2013   No Comments

Tudo e Nada

Tudo e nada

Tudo e nada

 

As vezes no meio de tudo parece não haver nada

Nem ao menos um abraço

Um sorriso…

Ou simplesmente um ombro amigo!

E as vezes no meio do nada parece existir um novo mundo

Uma nova motivação para continuar…

Um novo rumo para perseguir a te encontrar…

Quem sabe assim um dia eu possa te falar…

De tudo ou nada…

De amor e dor…

De sentimento e calor…

Tudo isso em busca do seu amor!!!

janeiro 30, 2013   No Comments

Sonhos de uma noite de verão

Noite de verão

Noite de verão

Sonhos de uma noite de verão

 

Há quem diga que todas as noites são de sonhos.

Mas há também quem garanta que nem todas, só as de verão. No fundo, isto não tem muita importância. [Read more →]

janeiro 19, 2013   No Comments

Poema da Noite

Poema da noite Charles Chaplin

Poema da noite Charles Chaplin

Poema da noite

 

chorei vendo fotos e ouvindo musica;

Já liguei só para ouvir uma voz;

Apaixonei-me por um sorriso;

Já pensei que fosse morrer de saudade;

E tive medo de perder alguém especial… (e acabei perdendo) [Read more →]

janeiro 18, 2013   No Comments

Poema de natal

Poema de natal - Vinicius de Moraes

Poema de natal – Vinicius de Moraes.

Poema de natal

 

Para isso fomos feitos:

Para lembrar e ser lembrados

Para chorar e fazer chorar

Para enterrar os nossos mortos –

Por isso temos braços longos para os adeuses

Mãos para colher o que foi dado

Dedos para cavar a terra. [Read more →]

novembro 6, 2012   No Comments

Soneto de Fidelidade

Soneto de fidelidade - Vinicius de Moraes

Soneto de fidelidade – Vinicius de Moraes

Soneto de Fidelidade

 

De tudo ao meu amor serei atento

Antes, e com tal zelo, e sempre, e tanto

Que mesmo em face do maior encanto

Dele se encante mais meu pensamento. [Read more →]

outubro 31, 2012   No Comments